Cidade alemã ia dar € 1 milhão para quem provasse que ela não existe

Bem ali na região do Norte-Vestfália, no noroeste da Alemanha está uma pequena cidade alemã fundada em 1214 de aproximadamente 320 mil habitantes, chamada Bielefeld.

Localização de Bielefeld no mapa da Alemanha.

Existe uma lenda muito famosa na região – e na Alemanha como um tudo – que diz que a cidade simplesmente não existe. De acordo com essa lenda/pegadinha/brincadeira, a existência da cidade é apenas algo propagado pela ‘entidade’ conhecida como ELES (SIE, em alemão), que trabalha junto com o governo para divulgar essa ilusão sobre a existência de Bielefeld.

Para validar essa teoria, é preciso responder a três perguntas:

  1. Você alguém de Bielefeld?
  2. Você Já foi a Bielefeld?
  3. Conhece alguém que já tenha ido a Bielefeld?

A ideia é que todo mundo responde “não” para as três e quem responder afirmativa para qualquer uma dessas perguntas será acusado de ser parte da conspiração ou de estar sendo ludibriado por ela.

O mercado de Bielefeld. Esta fotografia, e outras provas da existência real de Bielefeld, são satiricamente consideradas como parte da conspiração. (Via Wikimedia)

Conspiração ou não, o site Bielefeldmillion.com colocou no ar a proposta de premiação real para quem conseguisse PROVAR que a cidade não existe. O que não aconteceu até hoje.

Foram mais de 2000 pessoas mandando material para tentar concorrer ao prêmio, mas findado o prazo do concurso, ninguém saiu vencedor.

Segundo o site que promoveu o concurso, “o rumor ainda persiste 25 anos depois e nós pedimos para o mundo provar que Bielefeld realmente não existe. A última evidência da suposta não existência de Bielefeld estava valendo 1 milhão de Euros.

Foi muito divertido e interessante todas as tentativas que recebemos, mas ninguém foi capaz de provar a não existência de Bielefeld. Agradecemos a todos os participantes ao redor do planeta, foi muito divertido”.

Via Nerdist

Anúncios

Comente!

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.